Indústria de carne dos EUA quer remoção de tarifas sobre carne bovina na Parceria Trans-Pacífico (TPP) Imprimir E-mail
Escrito por Da Redação | BeefPoint   
Seg, 05 de Outubro de 2015 08:53

A carne bovina dos Estados Unidos poderá ter um impulso, com a remoção das barreiras comerciais entre os países da Parceria Trans-Pacífico (TPP) que estão sendo pleiteadas. Se contar com a concordância das outras nações participantes – Austrália, Brunei Darussala, Canadá, Chile, Japão, Malásia, México, Nova Zelândia, Peru, Cingapura e Vietnã – a TPP removerá as tarifas e outras barreiras comerciais entre os membros do acordo.

O Japão é atualmente o maior mercado de exportação para a carne bovina americana, totalizando US$ 1,6 bilhão em 2014, mesmo com uma tarifa de 38,5%. Um dos maiores competidores por esse mercado é a Austrália, que assinou no ano passado um Acordo de Parceria Econômica com o Japão, que leva à redução de tarifas sobre as importações de carne bovina em 15 anos. Isso dá uma vantagem à Austrália, sendo esse um dos motivos pelos quais a indústria de carne bovina americana está pressionando pela remoção das tarifas dentro do TPP.