TESES E DISSERTAÇÕES
Escolha de mercados por exportadores brasileiros: um teste longitudinal do Modelo de Internacionalização de Uppsala. Imprimir E-mail

Denise Rodrigues da Silva
Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.
Orientador: Angela Maria Cavalcanti da Rocha
Ano: 2007

O estudo procurou analisar o processo de internacionalização de empresas brasileiras e teve como foco sua entrada no mercado externo via exportações. Buscou-se compreender a lógica dos exportadores nacionais no que diz respeito à escolha dos países de destino de produtos manufaturados exportados. Para tanto, foi utilizada uma base de dados relativa a uma amostra de empresas exportadoras de produtos manufaturados, cujo comportamento exportador foi acompanhado nos anos de 1978, 2000 e 2005.O estudo realizado foi de natureza quantitativa, ex post facto e corte longitudinal. Verificou-se se, conforme proposto pelo Modelo, ao longo do tempo as empresas haviam escolhido mercados de distância psíquica gradativamente maior. Os resultados obtidos mostraram que, de forma geral, as empresas da amostra não seguiram os ditames do modelo de Uppsala no que se refere à distância psíquica, embora uma parcela delas apresentasse este comportamento. Também não foi possível distinguir características que diferenciariam as empresas que se enquadravam no modelo das que não se enquadravam.

Palavras-chave: exportação, seleção de mercados, distância psíquica, Uppsala

DOWNLOAD

 
Imagens de países: um estudo exploratório sobre distância psicológica. Imprimir E-mail

Eduardo Sarmet Cunha Weizmann
Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.
Orientador: Angela Maria Cavalcanti da Rocha
Ano: 2007

A dissertação buscou contribuir para melhor entendimento do conceito de distância psicológica. Utilizando-se de uma perspectiva interpretativa, o presente estudo investigou as variáveis levadas em consideração pelas pessoas para pensar a diferença entre países, tendo como objetivos: (i) identificar e analisar as percepções relativas à distância psicológica entre o Brasil e outros países; (ii) identificar e analisar os fatores utilizados para se pensar as diferenças entre os países. Foi realizada uma pesquisa qualitativa exploratória, sendo os dados coletados por meio de entrevistas em profundidade e analisados utilizando-se técnicas de análise de conteúdo. Foram encontrados indícios de como os entrevistados percebem os elementos que distinguem e aproximam os países, tanto de forma genérica, como específica, para alguns países selecionados. Estes indícios foram então organizados de maneira a propiciar um entendimento de como são utilizados para se pensar as diferenças entre os países.

Palavras-chave: distância psicológica, distância cultural, imagens de países

DOWNLOAD

 
Processo de internacionalização do agronegócio: estudo de caso de uma empresa brasileira. Imprimir E-mail

Carolina Burnier Pacheco
Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.
Orientador: Angela Maria Cavalcanti da Rocha
Ano: 2007

Com o propósito de entender melhor os processos decisórios que conduzem à internacionalização, esta dissertação analisou o processo de internacionalização de uma empresa brasileira do agronegócio. Utilizou-se o método de estudo de caso, analisando-se a criação e o desenvolvimento de uma empresa exportadora. As informações foram coletadas de fonte secundárias na própria empresa e em relatórios publicados, e de fontes primárias, em particular entrevistas com os dirigentes da organização estudada. O uso de diversas fontes possibilitou a triangulação necessária para garantir a confiabilidade das informações obtidas. Procurou-se verificar em que medida as teorias examinadas explicavam o desenvolvimento de uma empresa do agronegócio. Os resultados obtidos indicam que a perspectiva sobre born globals é útil para explicar o processo de internacionalização da empresa examinada. Além disto, alguns aspectos das teorias comportamentais, em particular o modelo de Uppsala, ajudam a entender parcialmente alguns aspectos da evolução internacional da empresa estudada. Já as teorias econômicas de internacionalização foram pouco úteis ao entendimento do processo examinado.

Palavras-chave: processo de internacionalização, exportação, agronegócio, papaia, caso, Gaia

DOWNLOAD

 
Internacionalização mexicana recente: padrão de comercio exterior e crescimento econômico. Imprimir E-mail

Joana Mostafa
Dissertação (Mestrado em Economia) - Instituto de Economia. Universidade Estadual de Campinas
Orientador: Fernando Sarti
Ano: 2007

Inúmeros organismos multilaterais advogam que o México constitui um exemplo bem sucedido de reformas liberais que redundaram em maior crescimento, sobretudo devido à maior exposição ao comércio exterior. Contrariamente, neste trabalho, procuramos relevar o papel primordial das relações econômicas entre o México e os Estados Unidos, tendo como cenário um momento histórico de aguda contestação do mercado interno norte americano e um elevado crescimento deste. Nesse sentido, o desenvolvimento do setor exportador mexicano, maior responsável pela dinâmica do PIB entre 1996 e 2005, respondeu a uma lógica particular que não pode ser transposta a outros países. Por fim, concluímos que o México, ao integrar-se excessivamente à economia norte-americana, vive um momento de enorme dependência dos EUA, sem que mecanismos endógenos de crescimento e de redução da heterogeneidade estrutural tenham se desenvolvido

Palavras-chave: Exportação, integração econômica, comércio internacional, EUA, México

DOWNLOAD

 
Investimento direto e transferência de tecnologia: Argentina, Brasil e México. Imprimir E-mail

Fernanda De Negri
Tese (Doutorado em Economia) - Instituto de Economia. Universidade Estadual de Campinas
Orientador: Mariano Francisco Laplane
Ano: 2007

O objetivo desta tese é comparar os esforços tecnológicos realizados por empresas multinacionais no Brasil, Argentina e México e avaliar os seus principais determinantes. Os Investimentos Estrangeiros Diretos, particularmente os investimentos em Pesquisa e Desenvolvimento (P&D), constituem um dos principais canais de transferência de tecnologia entre países e podem ser um elemento fundamental para o progresso técnico dos países em desenvolvimento. Os resultados mostraram que os três países analisados, a despeito de algumas similaridades históricas, são bastante diferentes no que diz respeito a produção de conhecimento. Da mesma forma, a contribuição das empresas estrangeiras para a produção de conhecimento nos três países é bastante distinta. A hipótese adotada por essa tese, para explicar essas diferenças, é que fatores locacionais dos países receptores do investimento importam na hora de atrair investimentos estrangeiros em P&D. Efetivamente, os resultados mostraram que algumas características dos países analisados são fundamentais para explicar os investimentos em P&D das empresas estrangeiras. O tamanho do mercado doméstico, aliado a baixos indicadores de concentração mostraram-se significativos na decisão de investimento em P&D das estrangeiras e no volume de recursos destinados a essa atividade. Outros fatores importantes para atrair esses investimentos são a maior interação do setor produtivo com instituições de pesquisa e universidades bem como a qualificação da mão-de-obra local.

Palavras-chave: Multinacionais, pesquisa e desenvolvimento, P&D, tecnologia, transferência de tecnologia, localização, Brasil, Argentina, México

DOWNLOAD

 
Padrão do comércio brasileiro no período 2003-2005: um estudo do conteúdo dos fluxos de importação e exportação. Imprimir E-mail

Carolina Troncoso Baltar
Dissertação (Mestrado em Economia) - Instituto de Economia. Universidade Estadual de Campinas.
Orientador: Mariano Francisco Laplane
Ano: 2007

O período 2003-2005 foi marcado pelo intenso crescimento do comércio mundial. Neste contexto, o Brasil foi capaz de reverter seu déficit de comércio, usufruindo de expressivo superávit. Porém, este dinamismo comercial não foi acompanhado de crescimento da economia nacional. Para uma melhor compreensão deste paradoxo é necessário um maior entendimento da relação entre comércio e crescimento econômico. Além disso, é também importante verificar os acontecimentos ocorridos a partir da década de 1990 na economia brasileira, após a implementação das reformas liberalizantes. Esta dissertação faz uma análise empírica do comércio brasileiro neste período recente de expansão do comércio mundial, com o objetivo de relacionar o tipo de comércio brasileiro com as características da estrutura industrial que existe no país. A metodologia adotada traz como novidade a possibilidade de se avaliar o comércio de uma perspectiva mais qualitativa, a partir do exame do tipo de produto e região de origem e destino dos fluxos.

Palavras-chave: Comércio exterior, exportação, importação, conteúdo, estrutura industrial, Brasil.

DOWNLOAD

 
Relacionamentos nacionais e supranacionais na internacionalização de agências de publicidade: o caso da Foote, Cone & Belding no mercado brasileiro Imprimir E-mail

Cynthia Gamboge Massoti
Dissertação (Mestrado em Administração) - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais
Orientador: Sérgio Fernando Loureiro Rezende
Ano: 2007

Nesta dissertação busca-se entender o processo de internacionalização de agências de publicidade e propaganda a partir da análise da internacionalização da Foote, Cone & Belding no mercado brasileiro. Ao englobar não somente a entrada, mas também sua evolução nesse mercado, consideram-se os relacionamentos interorganizacionais da agência, os quais foram articulados em níveis nacional e supranacional. O estudo se apoiou no modelo comportamental de internacionalização da firma e na abordagem de redes industriais aplicada à internacionalização da firma. Foi realizado um estudo de caso único, de natureza qualitativa, que empregou, como técnica de coleta de dados, a entrevista de dados, a entrevista pessoal, em profundidade, apoiada em um roteiro de entrevista semi-estruturado, realizada com funcionários e ex-colaboradores da FCB. A análise de dados foi feita a partir do mapeamento dos eventos considerados importantes em termos de internacionalização da firma. Os resultados mostram que a agência entrou no Brasil seguindo um cliente, o que indica a importância do client-following para esse tipo de firma. Segundo, a evolução no mercado brasileiro se deu através do maior comprometimento de recursos realizado em nível dos relacionamentos interorganizacionais inseridos no mercado brasileiro e, principalmente, em outros mercados internacionais.

Palavras-chave: Internacionalização, teoria comportamental, redes, relacionamentos, agências de publicidade, propaganda, estudo de caso

DOWNLOAD

 
A percepção dos executivos brasileiros e argentinos sobre as interações em times multiculturais compostos de membros dos dois países Imprimir E-mail

Silvia Alice Botelho
Dissertação (Mestrado em Administração) - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais
Orientador: Betania Tanure
Ano: 2007

Este estudo investiga o impacto da percepção de possíveis diferenças e similaridades culturais entre brasileiros e argentinos atuando em times multiculturais compostos de membros dos dois países. A definição de cultura nacional e seu efeito nos negócios, assim como a formação cultural do Brasil e da Argentina, foram investigados em profundidade. Foi realizado um estudo de caso múltiplo, permitindo analisar a percepção de executivos brasileiros e argentinos em relação às cinco dimensões culturais de Hofstede. Os resultados revelaram que, apesar da relativa proximidade cultural, há diferenças significativas principalmente nas dimensões distância do poder, individualismo e masculinidade, que influenciam o trabalho em times multiculturais compostos por brasileiros e argentinos, ainda que haja a percepção de benefícios na criação de valor para os componentes dos times e para as empresas.

Palavras-chave: Negociação, times multiculturais, cultura nacional, Hofstede, Brasil, Argentina, estudo de casos

DOWNLOAD

 
A responsabilidade social empresarial de um banco de investimento americano sob a ótica de seu público interno no Brasil e na Argentina Imprimir E-mail

Claudio Tadeu Berkelmans dos Santos
Dissertação (Mestrado em Administração) - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais
Orientador: Roberto Patrus M. Pena
Ano: 2007

Esta pesquisa analisa a percepção das práticas de um Banco de Investimento americano com atuação internacional em relação à responsabilidade social empresarial com seu público interno, sob a ótica de seus empregados no Brasil e na Argentina. Procurou-se verificar o quanto o discurso sobre ser socialmente responsável está alinhado com a realidade percebida por seus funcionários, bem como identificar se há alguma correlação dos resultados apurados com divergências devido às diferenças culturais. Foram direcionadores desta pesquisa os Indicadores do Instituto Ethos de Responsabilidade Social Empresarial com o Público Interno: 1. Relações com Sindicatos; 2. Gestão Participativa; 3. Compromisso com o Futuro das Crianças; 4. Valorização da Diversidade; 5. Relações com Trabalhadores Terceirizados; 6. Política de Remuneração, Benefícios e Carreira; 7. Cuidados com a Saúde, Segurança e Condições de Trabalho; 8. Compromisso com o Desenvolvimento Profissional e a Empregabilidade; 9. Comportamento frente a Demissões e 10. Preparação para a Aposentadoria. Foram utilizados para a coleta de dados questionários fechados e entrevistas. Os resultados levaram à classificação do Banco em estágios de evolução. O único tema com resultados diferentes no Brasil e a na Argentina foi o de Preparação para a Aposentadoria. De maneira geral, o Banco avaliado cumpre os quesitos e indicadores de RSE, vai além em alguns temas, como Gestão participativa, mas ainda tem muito o que evoluir em indicadores como Compromisso com o futuro das crianças e Comportamento frente a demissões.

Palavras-chave: Multinacionais, subsidiárias, responsabilidade social empresarial, SRE, responsabilidade social corporativa, RSC, público interno, gestão de pessoas, banco, Brasil, Argentina, EUA, estudo de caso

DOWNLOAD

 
A relação entre estratégias ambientais de empresas multinacionais e pressões institucionais: o caso da Novelis Imprimir E-mail

Leandro Oliveira Figueiredo da Silva
Dissertação (Mestrado em Administração) - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais
Orientador: Roberto Gonzalez Duarte
Ano: 2007

O objetivo do trabalho é analisar como as estratégias ambientais das MNCs são influenciadas pelas instituições locais, utilizando a perspectiva institucional. Por outro lado, a perspectiva política contribui com a análise embasando a pró-atividade das MNCs quanto à questão ambiental. Esta pró-atividade é advinda de fatores internos à empresa e mostrou-se ser fator importante de determinação das estratégias ambientais. Foi feito um estudo de caso, com entrevistas em profundidade, na Novelis, multinacional do segmento de alumínio com plantas no Brasil e mais especificamente a planta de Ouro Preto - MG, que, além de sofrer pressões dos governos estaduais e federal, demonstrou pró-atividade em sua estratégia e práticas ambientais. Verificou-se que as pressões institucionais, especialmente as do pilar regulativo advindas das diversas esferas do governo, parecem atuar como principal condicionador das estratégias ambientais da MNC. Além destas pressões, existe a influência de outras instituições sobre as estratégias ambientais da MNC, além de fatores internos, como a influência da matriz. A estratégia da MNC é de cooperação com ONG e governo, sendo influenciada e exercendo certa influência na formulação da legislação ambiental brasileira.

Palavras-chave: Multinacionais, subsidiárias, estratégia ambiental, questão ambiental, alumínio, Novelis, estudo de caso

DOWNLOAD

 
A estratégia de exportação de serviços de outsourcing em tecnologia da informação para a redefinição do papel da subsidiária Imprimir E-mail

Marco Aurélio Costa da Silva
Dissertação (Mestrado em Administração) - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais
Orientador: Roberto Gonzalez Duarte
Ano: 2007

O presente estudo tem por objetivo analisar como a exportação de serviços de outsourcing de TI tem modificado a relevância estratégica e redefinido o papel das subsidiárias. Esse tipo de outsourcing, que é denominado de offshoring e ocorre entre fronteiras de países através da exportação, tem se tornado um dos principais fenômenos do setor de TI. Um aspecto fundamental por trás desse fenômeno é a crescente importância de países fora do círculo de economias desenvolvidas, que surgem como as principais fontes de serviços offshore de TI, pela disponibilidade de mão-de-obra qualificada a baixo custo. A pesquisa compreende a análise comparativa do desenvolvimento de atividades de offshoring de três subsidiárias – argentina, brasileira e indiana – da mesma corporação. Apresentam-se os estudos de casos para cada uma das subsidiárias pesquisadas com uma análise intracaso e, ao final, uma análise cruzada. Os resultados mostram que as subsidiárias estão caminhando no sentido de se especializar em resposta à globalização. A exportação de serviços influenciou o aumento da relevância estratégica das subsidiárias, redefinindo papéis de forma diferenciada para cada uma delas. Os resultados evidenciam que três perspectivas de desenvolvimento de subsidiárias (determinismo ambiental, determinações da matriz e iniciativa e escolhas da própria subsidiária) interagem para determinar o papel da subsidiária.

Palavras-chave: Multinacionais, subsidiárias, outsourcing, offshoring, terceirização, tecnologia da informação, TI, estudo de caso

DOWNLOAD

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Página 8 de 16